Mulher sentada em uma cadeira em um ambiente doméstico. Não tem dúvidas entre escritório ou home office, porque trabalhar em casa é melhor
Advocacia

Escritório ou home office: o que é melhor na advocacia? Descubra!

Mesmo que o trabalho remoto já esteja mais normalizado no mercado, ainda existem gestores que ficam em dúvidas entre escritório ou home office. Afinal, será que vale a pena continuar investindo no trabalho presencial ou é melhor oferecer a oportunidade de trabalhar em casa?

Enquanto um pode trazer economia e bem-estar, o outro já era o mais comum de se ver na área jurídica. Logo, mesmo com as mudanças ocorridas a partir de 2020, alguns avaliam a possibilidade de voltar para o estabelecimento físico.

Se você é um líder que ainda têm dúvidas entre escritório ou home office, acompanhe a leitura e veja as vantagens e desvantagens de cada um para poder tomar a melhor decisão!

Escritório ou home office: como saber qual deles é o melhor?

Primeiramente, é preciso ter clareza sobre cada uma dessas modalidades de trabalho. No home office, o trabalhador exerce as suas funções profissionais em sua residência. Logo, trata-se de uma espécie de trabalho remoto.

Por outro lado, o trabalho presencial exige que os colaboradores se desloquem até o escritório de forma habitual para exercer as suas atividades. 

Ou seja, são duas formas totalmente diferentes de trabalhar. Embora muitos aspectos continuem iguais, como a gestão das equipes, o controle de tarefas e as reuniões estratégicas, por exemplo, a dinâmica entre os trabalhadores é completamente diferente. 

Enquanto o trabalho presencial exige que o profissional obedeça os horários de entrada e saída que o escritório estabelece, no home office pouco importa a sua jornada de trabalho, desde que você cumpra os prazos e faça todas as atividades destinadas para o dia. 

Sendo assim, o trabalho remoto oferece benefícios que não existem no escritório, como: flexibilidade de horários e maior autonomia

Conforme algumas pesquisas, o home office é o modelo de trabalho preferido dos brasileiros. Inclusive, muitos preferem procurar outra oportunidade se a empresa não oferece a opção de trabalhar de casa. 

Um dos levantamentos que demonstram essa preferência é o que foi feito pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA) da Universidade de São Paulo (USP). 

Constatou-se que 70% das pessoas preferem trabalhar em casa, contra apenas 19% que preferem o trabalho presencial. Apenas 11% respondeu que não tinha preferência por nenhum. 

Diante disso, é urgente que o escritório se atualize e leve em consideração esse anseio da sociedade. Caso contrário, pode perder talentos e oportunidades de crescimento.

Logo, para saber qual dos dois é melhor, é importante analisar o mercado, as vantagens e desvantagens de cada modalidade e principalmente, considerar as expectativas e desejos dos seus colaboradores.

Quais são as vantagens do home office?

O trabalho em home office oferece diversas vantagens, tanto para os trabalhadores quanto para o escritório.

Confira abaixo algumas delas! 

1. Bem-estar

Para muitos, não existe dúvida entre escritório ou home office porque este último proporcionou uma melhora no bem-estar, na saúde e no equilíbrio entre vida pessoal e vida profissional.

Inclusive, esses são alguns dos argumentos de quem não deseja voltar ao trabalho presencial. 

2. Economia

O home office contribuiu para que os trabalhadores economizassem com despesas de transporte, alimentação, vestuário, dentre outras.

Da mesma forma que o trabalho remoto contribuiu para diminuir os gastos dos trabalhadores, os próprios escritórios se beneficiaram com essa alternativa. Isso porque, dessa forma, puderam diminuir as contas com a estrutura física do escritório. 

Assim, as despesas com energia, aluguel, materiais e equipamentos, por exemplo, puderam ser reduzidas consideravelmente ou até eliminadas. 

3. Gestão do tempo

Com o advento do home office, os trabalhadores puderam administrar melhor o tempo deles. Assim, conseguiram se dedicar mais ao lazer e descanso, bem como para dar atenção à família e questões relacionadas à vida pessoal. 

Ademais, o tempo que antes perdiam com deslocamento até o escritório também trazia estresse e tornava o dia a dia dos funcionários mais cheios de compromisso e exaustivos.

4. Conforto

Outro aspecto que faz com que muitos tenham certeza de que desejam continuar no home office é o conforto de poder trabalhar em casa.

No escritório, nem sempre é possível trabalhar em uma mesa com uma cadeira confortável. Em casa, o profissional tem a opção de montar o seu local de trabalho da forma que deseja.

Outrossim, o fato de não precisar se deslocar até o escritório também traz mais conforto para o trabalhador. 

5. Autonomia

Por fim, trabalhar em casa traz mais autonomia para o trabalhador. Quando o escritório aposta em uma gestão eficiente, como a gestão por tarefas, é possível tornar o dia a dia do colaborador mais prazeroso, proporcionando flexibilidade e dando a ele a liberdade de poder trabalhar da maneira que deseja.  

Aproveite e veja como manter as equipes do escritório produtivas no home office! Baixe o ebook e descubra

arte de ebook de meios de produção na advocacia

Quais são as desvantagens do home office?

Por outro lado, existem algumas desvantagens do home office. Confira abaixo as mais comentadas. 

1. Distrações

Para alguns, o home office é mais difícil devido às distrações do local. Isso porque em casa, temos cama, televisão e nenhuma supervisão. Quando se trabalha enquanto a família está na residência é mais fácil dispersar a atenção da pessoa por causa do barulho e de interrupções.

Contudo, é possível resolver essas questões com disciplina e acordos com os familiares. 

2. Falta de socialização

A falta de socialização, isto é, ausência de contato físico com outros colegas, pode ser um problema para alguns. Contudo, para outros pode não fazer diferença.

É possível resolver esse óbice mantendo contato com os colegas e amigos e tendo uma vida social, realizando encontros frequentes ou de forma eventual.

Quais são as vantagens de trabalhar no escritório?

Para poder decidir entre escritório e home office, é importante também entender os prós e contras do trabalho presencial. Veja abaixo algumas vantagens dessa alternativa!

1. Contato direto com clientes

Uma vantagem do trabalho presencial é o contato direto e próximo com os clientes. Dessa forma, eles podem conhecer melhor os profissionais responsáveis pelos seus casos. 

Embora isso possa ser uma vantagem, é importante frisar que a maior parte dos consumidores já preferem o comodismo do atendimento online. Outrossim, a internet já possibilita se relacionar com os clientes com eficiência.

2. Socialização com colegas

Outro benefício de trabalhar no escritório é a possibilidade de socializar com os colegas. Para quem sente a necessidade disso e se sente solitário trabalhando em casa, o trabalho no escritório pode ser uma forma de ter uma vida social. 

3. Disciplina

Alguns trabalhadores só sentem que são produtivos se tiverem a presença de um gestor supervisionando o trabalho deles. Contudo, podem mudar esse hábito aprendendo sobre autogestão

Da mesma forma, o escritório pode ser o melhor lugar para muitos manterem a disciplina, principalmente os profissionais que não possuem meios de montar um escritório em casa ou tem uma família que não consegue se disciplinar enquanto eles trabalham. 

Quais são as desvantagens de trabalhar no escritório?

Por outro lado, existem desvantagens importantes que podem ter um grande peso no momento de decidir entre o trabalho no escritório ou home office.

Confira algumas delas!

1. Altos custos

Já avaliou os custos para manter a estrutura de um escritório? Além de aluguel, é preciso pagar despesas com energia, segurança, internet, limpeza ou então, se o imóvel for próprio, é necessário realizar manutenções.

Da mesma forma, é preciso equipar o escritório com móveis, equipamentos eletrônicos, materiais de escritório, dentre outros.

Ou seja, é bastante caro manter um estabelecimento físico! Com o home office, é possível reduzir essas despesas ou até eliminá-las por completo.

Em relação aos trabalhadores, é facilmente verificado que eles acabam gastando dinheiro com alimentação e transporte, mesmo que o escritório ofereça esses benefícios. 

2. Inflexibilidade

Outro aspecto que torna o trabalho presencial menos vantajoso que o remoto é a falta de autonomia. O profissional não consegue ter flexibilidade para trabalhar nos horários que se sentir mais produtivo e precisa cumprir horários.  

3. Causa estresse

Uma pessoa que precisa se deslocar até o escritório perde tempo para se arrumar e se deslocar. Em grandes cidades, o trânsito pode fazer a pessoa perder horas dentro do transporte. Isso pode causar estresse e deixar o trabalhador cansado. 

4. Modelo que menos agrada

Por fim, diversas pesquisas apontam que o trabalho presencial é o que menos agrada os trabalhadores. Ademais, muitos especialistas dizem que o futuro do trabalho é remoto. Logo, é possível que cada vez menos pessoas aceitem ou se sintam confortáveis em trabalhar presencialmente. 

Por que o trabalho remoto é a melhor alternativa?

Conforme alguns argumentos demonstrados nesse artigo, bem como o que foi verificado em diversos levantamentos, o trabalho remoto é sem dúvidas a melhor alternativa. Isso significa que o home office apresenta muito mais vantagens que o trabalho no escritório. 

Lembre-se que o home office pode proporcionar um aumento na satisfação profissional dos seus colaboradores. Isso porque o modelo traz benefícios para o bem-estar, trazendo mais autonomia e realização profissional. 

O fato de não oferecer o trabalho remoto pode causar evasão de talentos, fazendo com que o escritório perca bons profissionais e a oportunidade de crescer.

É importante notar que flexibilidade e autonomia são dois fatores muito buscados pelos profissionais no mercado de trabalho. Infelizmente, o trabalho presencial não é capaz de oferecer essas vantagens e atender esses desejos.  

Ademais, faz com que aumente os gastos dos trabalhadores com alimentação, vestuário e transporte, dentre outros. 

O que possibilita que o home office seja mais vantajoso e altamente produtivo?

Os escritórios de advocacia felizmente são negócios que permitem o trabalho remoto. Ou seja, os funcionários não precisam realizar os seus trabalhos obrigatoriamente de forma presencial, como clínicas médicas e de odontologia, empresas que fabricam produtos diversos, dentre outros exemplos.

Logo, os colaboradores podem trabalhar 100% à distância.

Graças à tecnologia, as equipes podem realizar as suas funções com maestria, bem como entregar as tarefas no prazo e manterem-se produtivas.

Outrossim, espera-se que os avanços tecnológicos tornem ainda mais eficiente o trabalho remoto. Para isso, é importante investir na digitalização do escritório, bem como em ferramentas eficientes, como um software jurídico

Inclusive, a ADVBOX possui funcionalidades que ajudam o gestor a gerenciar equipes remotamente, controlar o financeiro, manter a carteira de clientes e o atendimento ao cliente organizados, analisar dados para tomar melhores decisões, dentre outras que são fundamentais para manter a ordem e fazer o negócio crescer. 

Vale mencionar também sobre o sistema de pontuação por tarefas, o taskscore. Essa funcionalidade do ADVBOX proporciona liberdade e autonomia aos trabalhadores, pois viabiliza a análise da produtividade deles sem ser invasivo. 

Assim, é possível avaliar a performance de todos os membros das equipes e mantê-los sempre com bom desempenho. 

Mais conhecimento para você

Por aqui estamos sempre abordando assuntos quentes e relevantes para os profissionais do Direito. Confira outros artigos que também podem te interessar:

Descubra quais são os melhores filmes de advogados
O poder dos Blogs Jurídicos para um escritório
O que é um escritório digital?
O que um site de escritório de advocacia não pode deixar de ter?

Tecnologia na advocacia: quais os benefícios?

Quando o trabalho presencial pode ser melhor que o home office?

Ao longo do artigo, você verificou as vantagens e desvantagens do trabalho remoto e do presencial. Contudo, será que existe algum cenário em que o trabalho presencial pode ser melhor que o home office?

Em alguns casos, pode ser necessário manter o escritório físico funcionando diariamente. Isso depende da preferência dos trabalhadores e do público-alvo. 

Por exemplo, em situações nas quais o escritório possui uma persona que claramente deseja ser atendida presencialmente, pode ser interessante adotar o modelo híbrido ou então, manter parte da equipe trabalhando presencialmente e parte no home office. 

Entretanto, isso não significa que todos os trabalhadores tenham que atuar presencialmente. Muitos dos setores podem funcionar remotamente. 

De modo geral, o home office costuma ser mais vantajoso. Contudo, verifique se o seu público e se os trabalhadores preferem o presencial.

Em conclusão, não há porque ter dúvidas entre escritório ou home office. Com o avanço tecnológico e principalmente, devido aos novos anseios dos profissionais, o trabalho remoto tende a ser a modalidade mais buscada nos próximos anos. Por isso, é importante se atualizar e iniciar os trabalhos nesse modelo. 

E se você deseja saber mais sobre o trabalho remoto, aproveite e confira como garantir a qualidade do trabalho em equipe no home office! 

Gestão de serviços jurídicos: Mulher sorrindo e apontando para letriero de teste gratuito
Autor
Comunicação & Conteúdos

Equipe ADVBOX

Postagens Relacionadas