AÇÃO DE EXECUÇÃO DE CONTRATO DE HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS

Direitos da personalidade modelo de petição

Todo advogado sabe que não é fácil fazer um bom banco de modelos de petições, que atenda as especificidades dos diferentes processos no dia a dia do trabalho jurídico.

Isso exige muito tempo gasto com a pesquisa de petições, organização dos arquivos e também com a atualização das peças conforme mudanças de jurisprudência regional ou alterações em entendimentos de tribunais superiores.:

Porém, com a plataforma certa para advocacia digital, é possível economizar todo esse tempo gasto. Basta um único membro da equipe atualizar ou alterar algum modelo de peça processual no sistema para atualizar para todos usuários da plataforma!

Dessa forma é possível acelerar a produtividade do trabalho jurídico de maneira bem relevante, além de potencializar ainda mais o crescimento do seu escritório com os vários
outros recursos das ferramentas de advocacia digital. Clique abaixo e saiba mais! 

Automatize a produção de suas petições

AÇÃO DE EXECUÇÃO DE CONTRATO DE HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS

EXCELENTÍSSIMO(A) SENHOR(A) DOUTOR(A) JUIZ(A) DE DIREITO DA [[Vara]] VARA CÍVEL DA [[Comarca]] DE [[Cidade do cliente]]/[[UF do cliente]].

[[Nome do cliente]], [[Nacionalidade do cliente]], [[Estado civil do cliente]], [[Profissão do cliente]], [[Sexo do cliente]], nascido(a) em [[Data de nascimento do cliente]],  inscrito(a) no CPF sob nº [[CPF/CNPJ do cliente]], RG sob nº [[RG do cliente]], residente e domiciliado(a) na [[Endereço do cliente]], [[Cidade do cliente]]/[[UF do cliente]], CEP XXXX, com endereço eletrônico [[E-mail do cliente]], representado nesta ação por seu/sua advogado(a), [[Outorgados]], conforme procuração anexa, com endereço profissional na [[Endereço do escritório]], [[Cidade do escritório]]/[[UF do escritório]], vem respeitosamente à presença de Vossa Excelência, conforme os fundamentos de fato e de direito postos a seguir, propor a presente 

AÇÃO DE EXECUÇÃO DE CONTRATO DE HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS

em face de [[Parte contrária]], (indicar se é pessoa física ou jurídica), com CPF/CNPJ sob nº …, com sede na Rua …, nº …, bairro …, CEP: …, Município– UF, pelas razões de fato e de direito que passa a aduzir e no final requer:

I – DOS FATOS

O exequente trabalhou como advogado do executado para o ajuizamento de uma Ação de Indenização em face da empresa XX.

O exequente firmou o contrato com o executado para que pagasse R$ 3.000,00 (três mil reais) em termos de honorários advocatícios iniciais e 20% (vinte por cento) do valor da condenação para fins de honorários advocatícios finais, descontados dos R$ 3.000,00 (três mil reais).

O executado ganhou a causa em 2015, recebendo a quantia de R$ 100.000,00 (cem mil reais) em termos de indenização por dano moral.

Contudo o executado não pagou os honorários advocatícios de 20% (vinte por cento) sobre o valor da condenação descontados dos R$ 3.000,00 (três mil reais) já pagos, ou seja, não pagou os R$ 17.000,00 (dezessete mil reais) restantes.

Dessa forma, pede-se que seja executado o contrato de honorários advocatícios em anexo, uma vez que está preenchido o contrato de todos os requisitos do título executivo extrajudicial nos termos do CPC, inclusive a assinatura das 2 (duas) testemunhas.

II – DO DIREITO

O exequente tem direito a pensão alimentícia nos termos do CPC.

Dessa forma pede-se que o executado seja compelido a pagar a diferença de R$ 17.000,00 (dezessete mil reais) para pagar a título de honorários advocatícios nos termos do contrato atual.

III – DOS PEDIDOS

Ante o exposto, requer:              

a) Que o executado seja citado pessoalmente, para que no prazo de 3 (três) dias pague a quantia de R$ 17.000,00 (dezessete mil reais) a título de honorários advocatícios; 

b) Que seja julgado inteiramente procedente o pedido do exequente para que seja o débito reconhecido em favor do exequente no importe de R$ 17.000,00 (dezessete mil reais) compelindo ao executado a pagar a quantia devida;

c) Que caso o executado não pague a quantia devida, que sejam penhorados os seus bens, nos termos do CPC;

d) Pede-se a produção de prova documental, e testemunhal e outras provas admitidas em direito.

Dá-se à causa o valor de [[Expectativa/valor da causa]], nos termos do art. 292, III, do NCPC.

Termos em que,

Pede deferimento.

[[Cidade do escritório]], [[Dia atual]], [[Mês atual]], [[Ano atual]].

[[Gestores do escritório]]

Autor
Conteudos Jurídicos

A ADVBOX conta com os maiores especialistas do mercado para produzir os conteúdo mais completos sobre o mercado jurídico, tecnologia e advocacia.