fbpx

Definir metas na advocacia é um desafio. Elas determinam pontos de partida e chegada dos trajetos pessoais e profissionais. Por isso, é importante que esse planejamento seja feito de maneira consistente, eficaz e realista. Caso contrário, você provavelmente não vai conseguir alcançar seus objetivos.

Sem alcançá-los, surgem momentos de confusão e frustração, nos quais você deposita esforços e expectativas em ideias sem base. Para ajudar a melhorar a definição de metas na advocacia no seu escritório, fizemos esse post. Apontaremos medidas que se aplicadas de maneira correta irão lhe conduzir até onde você quer chegar.

De onde vêm as metas na advocacia: Pesquisa e base de referências.

Um dos principais elementos que compõem um bom plano de metas é a pesquisa de mercado. Sem ela é como se você estivesse trabalhando no escuro. Coletar dados sobre as circunstâncias atuais da sua área é essencial para definição de metas na advocacia mais coerentes.

Essa coleta pode ser feita através de pesquisas nos sites de instituições como o IBGE e a ONU. Outra opção, são artigos acadêmicos, virtuais, notícias e fontes com credibilidade.

 

Conheça seu público.

Elemento crucial na consolidação de uma pesquisa de mercado é o público-alvo. Essa parte da pesquisa fornece dados valiosos para formulação de Personas, como já explicamos aqui no blog.

As personas, além de utilizadas como base do planejamento de marketing, fornecem um panorama mais claro para sua equipe trabalhar no cumprimento das metas na advocacia. A equipe de fechamento, por exemplo, pode gerar um script flexível e de alto resultado, pois irá conhecer bem cada segmento de público almejado.

 

Acompanhamento dos resultados

Você também pode coletar informações dentro do seu escritório. A cultura de dados permite observar o alcance de resultados e os gargalos de produtividade da equipe. Essa metodologia é chamada de Gestão por Tarefas.

Com essas informações, é possível formular previsões realistas que condizem com  a capacidade produtiva da sua equipe. Você afasta projeções impacientes e evita situações caóticas com a equipe correndo atrás de metas impossíveis de alcançar.

Outra vantagem é a possibilidade de identificar pontos fracos da equipe. Assim, você pode estabelecer um processo de reparo nas etapas de produção que apresentam falhas e baixa produtividade. No fim, há uma facilitação no alcance de metas na advocacia.

 

Conheça metodologias de definição de metas na advocacia.

Vale ressaltar também que existem diferentes metodologias de definição de metas promovidas por profissionais de coaching e que são usadas em muitas empresas. Por exemplo, a metodologia SMART (que também se aplica em objetivos pessoais) e a OKR (Objectives and Key Results), que é usada inclusive por grandes empresas como a Google, Twitter, Wallmart, entre outras.

Com essas informações, você já tem um ótimo ponto de partida para começar a elaborar planejamentos mais coerentes no seu escritório.


Alan Vital

Alan Vital é Advogado e Programador Front End, com Pós graduação em Direito Digital e Compliance, especialista em Marketing Jurídico e Gestão de Escritórios Digitais, além de membro de comissões da OAB e da Jovem Advocacia. Consultor da ADVBOX e proprietário e criador do Aplicativo AVALIAJUS.

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *