fbpx

A advocacia é uma profissão de resultados. Somos diariamente desafiados a conquistar o Direito do cliente, seja de forma judicial ou extrajudicial. Alcançar o objetivo final nem sempre é simples. É necessário tempo e muita dedicação do Advogado para que os processos sejam movimentados ou acordos sejam realizados. Em meio a isso, é possível até mesmo que você tenha processos que trazem prejuízo para o escritório.

Uma mesa com diversas pilhas de relatórios e pastas, além de uma calculadora. Representa análises necessárias para identificar prejuízo para o escritório

Diante desse cenário, chega um determinado momento em que os advogados começam a perceber quais são os processos que tramitam mais rápido, quais são mais rentáveis e quais estão, na verdade, trazendo prejuízos ao escritório. Isso acontece porque determinados processos necessitam de demasiada atenção e o retorno financeiro não compensa o tempo investido.

Como evitar prejuízos no escritório com esses processos?

Seja um advogado de uma grande banca ou um jovem advogado, é impossível lembrar todos os processos de cabeça. Torna-se necessário buscar meios de obter todas as informações e métricas de forma mais eficiente. Só assim, é possível visualizar a real situação do escritório e focar nas áreas que precisam de investimento.

Escritórios com informações de gastos, despesas, julgados favoráveis, dentre outras informações em mãos podem se tornar muito mais rentáveis se conseguirem visualizar de forma organizada dados que ajudem a performar de maneira mais eficiente.

A cultura de dados permite observar o alcance de resultados e os gargalos de produtividade da equipe. Essa metodologia é chamada de Gestão por Tarefas. Com essas informações, é possível formular previsões realistas que condizem com a capacidade produtiva da sua equipe. Isso afastará projeções impacientes e evitará situações caóticas com a equipe correndo atrás de metas impossíveis inalcançáveis.

Dados para reparar brechas

Outra vantagem é a possibilidade de identificar pontos fracos da equipe. Assim, você pode estabelecer um processo de reparo nas etapas de produção que apresentam falhas e baixa produtividade. No fim, há uma facilitação no alcance de metas na advocacia.

Escritórios Digitais são construídos baseados em etapas fundamentais para uma atuação online. E a migração do modelo de advocacia artesanal para o digital amplia imensamente a clareza do advogado sobre os acontecimentos do escritório.

Sem uma centralização de informações em um meio adequado, é impossível ter controle real do que está sendo feito. Um bom gestor de escritório sabe que cada advogado da equipe possui tem um perfil, um método de trabalho, um tempo para produzir É necessário ter condições de medir a produtividade de cada um. Portanto, é muito mais justo medir desempenho por métricas de produtividade ao invés de quantidade de horas trabalhadas.

Passar a atuar em uma advocacia digital permite aos escritórios digitais possuir um fluxo de trabalho que flui com segurança. O resultado é uma gestão completa, aumento da qualidade no serviço e rápida identificação dos processos que estão trazendo prejuízo para o escritório.

Portanto, migrar para a advocacia digital com meios de obter todas as métricas é necessário para que o escritório possa ser bem sucedido e se destacar no mercado.

Banner para clicar e fazer donwload gratuito do e-book Advocacia de resultados


Lucas Steinmetz

Formado em jornalismo, especializado em estratégias e técnicas SEO e Professor do Instituto IbiJus. Lucas Steinmetz começou sua jornada como analista SEO dentro de um escritório de advocacia e elevou o número de acessos no blog de 20 mil para 315 mil visitas por mês. Possui mais de 11 anos de experiência em produção de conteúdo para internet. Atualmente, trabalhando em um dos mais completos métodos de marketing jurídico focado em qualidade e resultados sem ferir as normas da OAB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *